Munícipe

Rotas naturais

 

Rota de Olaia e Paço

Saia da Casa do Povo da Lamarosa, deixando-a à sua esquerda. Depois de sair da aldeia, entramos no campo que se caracteriza por caminhos de terra batida, entre olivais tradicionais misturados com muitas figueiras. Começam a aparecer em algumas zonas grandes áreas de vinha e olival explorados de forma intensiva. Temos também as hortas familiares nas imediações das povoações que cruzamos: Barroca, Árgea, Chícharo, Valhelhas, Vargos, Vila do Paço, Soudos, Pé de Cão e Lamarosa. Estão ainda assinalados os santuários que se encontram, na sua maioria, na linha do próprio percurso, mas há outros em que será necessário fazer uma derivação, devidamente assinalada, como são os casos da Capela de Pousos e da Igreja do Paço. Existe ainda uma variante que encurta o percurso sensivelmente para metade. Durante o percurso passa-se por dentro de todas estas povoações onde naturalmente se podem recarregar energias nos variados estabelecimentos existentes (cafés ou tascas).

 

Distância 27km

Duração 6h20

Tipo de percurso circular

 

Consulte mais informação aqui

 

 

 

| Agenda

| Notícias

sabia que

Se efetuar uma reserva de duas ou mais noites na região do Médio Tejo pode usufruir de ofertas e descontos?

 

Saiba mais [+]

Os cookies ajudam ao correto funcionamento deste sítio.Ao utilizar os nossos serviços, concorda com a sua utilização. Politica de privacidade .

Aceitar utilização de cookies
Politica de cookies