Torres Novas sobe 30 lugares no Rating de Qualidade de Vida

  • Imprimir

No estudo, desenvolvido anualmente e recentemente disponibilizado pela Marktest, no âmbito do Rating Concelhio de Qualidade de Vida, Torres Novas subiu do 125.º lugar para o 95.º (uma subida de 30 lugares em relação a 2017). Na região do Médio Tejo, dois concelhos de média dimensão (Ourém e Torres Novas) e três de pequena dimensão (Alcanena, Constância e Vila de Rei) foram os únicos a registar subidas.


Os ratings concelhios são calculados pela Marktest com base em informação produzida pelas fontes oficiais de estatística. No total, são analisados 37 indicadores agrupados por três componentes: dinamismo demográfico, dinamismo económico, qualidade de vida. Cada indicador foi classificado com uma notação de 1 a 20 tendo em conta a posição do concelho no conjunto dos 308 concelhos do país.


Estes indicadores permitem conhecer quais os concelhos com mais dinamismo demográfico, económico e de qualidade de vida e analisar em que indicadores um município se destaca dos restantes para ajudar à decisão sobre as áreas a intervir.


A Marktest, especializada na área de estudos de mercado, baseia-se em fatores como a água segura para consumo, percentagem de resíduos urbanos recolhidos por recolha seletiva, equipamentos de saúde, recursos culturais, despesas camarárias em cultura e número de escolas.


Para a definição da tabela, entram outros fatores, mais exógenos, como a amplitude térmica média, proporção de área ardida, taxa de mortalidade infantil, taxa de criminalidade, taxa de sinistralidade rodoviária, estabelecimentos comerciais per capita e capacidade de equipamentos de segurança social per capita.


O presidente da Câmara, Pedro Ferreira fez referência a este estudo na reunião camarária de 11 de dezembro e congratulou-se pela classificação obtida que reflete também «as preocupações constantes do município em proporcionar aos seus munícipes as melhores condições de vida».

 

Os cookies ajudam ao correto funcionamento deste sítio.Ao utilizar os nossos serviços, concorda com a sua utilização. Politica de privacidade .

Aceitar utilização de cookies
Politica de cookies